Palavra e Roteiro de Célula // 25 de março

PARA FALAR DO MEU AMOR

Lucas 6:45

 

Quando uma pessoa está apaixonada não consegue ficar sem falar dessa paixão, quando ama então, não pára de pensar, falar e divulgar sobre esse amor. Tudo na vida se converge para este relacionamento. Amar é a essência de todo ser humano pois, foi criado justamente para receber e dar amor por meio de relacionamentos.

 

O MAIOR AMOR

Quando encontramos verdadeiramente o Amor de Deus reconhecemos que não há nada maior neste mundo. O amor do nosso Criador é sobre humano, é plenitude e preenche tanto nosso ser que passa a fazer parte da nossa rotina falar desse amor e contar como Ele é. Mas com o tempo, se não for bem regado, ele pode se esfriar e perder espaço para outras coisas. É preciso conhecer o Amor de Deus em intimidade de forma crescente e intensamente. Quando Ele é realmente o Maior Tesouro nada ou ninguém toma Seu lugar. Amamos a Ele mais do que qualquer outra coisa, pessoa ou condição que possamos alcançar. Este amor salva, cura, liberta e faz o coração transbordar de alegria, paz e esperança. Quanto mais o conhecemos, mais esse amor se aquece, mais queremos estar com Ele, mais desejamos corresponder a esse Amor sublime. Quanto mais o buscamos mais temos experiências com Ele (Jeremias 29:13) e isso é algo intransferível, é eterno, é fantástico. Nos faz caminhar nos territórios das certezas, não das dúvidas. A fé nos conduz a uma força sobre humana, a conhecer o Amor e o poder de Deus.

 

AMOR É ENTREGA TOTAL

Quando se ama totalmente, a vergonha e o medo do que vão pensar, falar ou de ser rejeitado não conseguem prevalecer. Quando nossa reputação ou imagem perante as outras pessoas têm muito valor para nós, proteger nosso ego se torna mais importante do que o Amor que dizemos ter. É manifestação do nosso egoísmo, egocentrismo, um mal promove distância entre nós e Deus, matando esse Amor. Um coração que tem a si mesmo como mais importante não ama, pois amar é dar preferência para o outro (1 Coríntios 13:4-7), é sofrer se for necessário. Mas o egoísmo foge de situações possivelmente constrangedoras, mesmo que tenha que esconder ou até mesmo negar esse amor. Quando a auto estima ainda não é bem curada, o medo de não ser aceito faz negar o verdadeiro amor. Faz ceder ao domínio dos outros ou do meio que frequentam para não ser rejeitado, e deixa o verdadeiro Amor de lado. Quem gostaria de ser desprezado por seu amor quando ele estiver com outras pessoas? O verdadeiro Amor não ama pelo que a pessoa pode produzir ou pelo benefício que ela pode trazer. Jesus ama profundamente e nada ou ninguém pode mudar esse amor. Quem entregaria um filho à morte por amor (João 3:16)?

 

O AMOR NOS FAZ CONTAR

Este Amor é mais forte do que nossa reputação porque, quem o conhece de verdade, sabe que somente nele chegamos na condição de plenitude que tanto desejamos. O Amor de Deus nos faz completos, não dependendo da aceitação dos outros, não mendigando o abraço ou carinho de alguém. É tão melhor que não tem como trocá-lo por outros prazeres. Em nome de Jesus, que seja agora anulada do seu coração toda influência da vergonha, do medo, da baixa autoestima ou do egoísmo. Mergulhe neste Amor. Um coração cheio dele faz a boca falar deste maravilhoso e eterno Amor.

 

ROTEIRO-DE-CÉLULA